Skip to content

As mulheres no kart: Grandes pilotos e suas histórias

As Mulheres No Kart Grandes Pilotos E Suas Histórias - Kart Indoor | Kart Premium

Compartilhe nas redes!

A grande maioria dos nomes no kartismo são de homens, mas existem, sim, as mulheres no kart e elas são tão boas no esporte como eles. Por isso, para o conteúdo de hoje, separamos alguns dos principais nomes e um breve resumo da história delas. 

Assim, se você é uma mulher, e ainda não sabe se é representada nas pistas de corridas profissionais, esse conteúdo é para você. Acompanhe a breve leitura e conheça os principais nomes das mulheres no kart. 

Conheça algumas mulheres no kart que fizeram o nome no esporte

Bia Figueiredo

Em primeiro lugar, piloto de sucesso, Bia Figueiredo iniciou sua carreira no kart em 1994. Destacou-se na categoria cadete e, ao longo dos anos, conquistou títulos importantes. 

Logo, 2003, fez história ao ser vice-campeã na Seletiva Petrobras, abrindo portas para mulheres no automobilismo. 

Por fim, no kart, ela competiu na Fórmula Indy e, atualmente, brilha na Stock Car pela equipe Ipiranga.

Suzane Carvalho: uma das maiores mulheres no kart

Em seguida, a ex-modelo e atriz, Suzane Carvalho desafiou estereótipos ao tornar-se piloto de kart em 1989. 

Além de ser mulher, enfrentou preconceitos na pista, mas provou seu talento ao conquistar o campeonato brasileiro na categoria novatos em seu primeiro ano. 

Após brilhar no kart, Suzane competiu em monopostos no Canadá e na Fórmula 3 Light sulamericana, sagrando-se campeã. Hoje, ela participa da Superbike Brasil e dedica-se à formação de novos pilotos.

Maria Cristina Rosito

Gaúcha, Maria Cristina Rosito uma das principais mulheres no kart trocou as competições de motociclismo pelo kart em 1980. 

Em seguida, aos 14 anos, conquistou o título gaúcho e brasileiro, consolidando-se como uma piloto temida nas competições. 

Após passagem pelo kartismo, ela competiu brevemente com caminhões antes de ingressar na Superbike Brasil e no gaúcho de Superturismo. O kart foi fundamental para o início de sua bem-sucedida carreira como piloto.

Bruna Tomaselli

Catarinense de 21 anos, Bruna Tomaselli começou no kart em 2007. Além disso, ela destacou-se na categoria graduados, terminando em terceiro lugar no Sul Brasileiro de Kart em 2012. 

Em 2013, migrou para o automobilismo, competindo na USF 2000 nos Estados Unidos. Assim, demonstrando habilidade e persistência, ela atualmente está em sua segunda temporada na categoria norte-americana.

Danica Patrick

Originária de uma família de classe média, Danica Patrick desafiou estereótipos ao começar no kart aos 10 anos. 

Tricampeã nacional na categoria, é uma das mulheres no Kat que dão orgulho. Ela se destacou no kartismo antes de ir para as categorias de monopostos. 

Embora a Fórmula 1 não tenha se concretizado, Danica fez história ao vencer as 300 Milhas de Montegi em 2008, sendo a única mulher a vencer na categoria principal de monopostos nos EUA.

Você pode agendar sua bateria e ser uma das mulheres no kart

Aqui na Kart Premium contamos com pistas incríveis esperando por você. Afinal, é em meio às essas pistas que as mulheres no kart se divertem com todos os amigos e familiares. 

Para agendar a sua bateria basta acessar o nosso quadro de valores e horário e falar com um dos nossos especialistas. Além disso, não esqueça de verificar qual das nossas unidades é a mais próxima da sua região!